Que tal viajar para a Colômbia?

Oi, muito prazer, eu sou a Bia. Quem segue a Beka no instagram já deve ter me visto por lá. O post de hoje é de minha autoria, e eu vim falar um pouco da minha experiência na Colômbia e trazer dicas para quem vai ou quer viajar pra lá.

Em 2016 eu estava decidida a fazer um intercâmbio, mas com prioridade no inglês. Até que em junho do mesmo ano, conheci alguns uns intercambistas aqui em Recife, sendo um deles, um colombiano. Com ele construí uma forte amizade e conhecê-lo me trouxe curiosidade de ver o que tinha na Colômbia, o que faziam e como eles viviam. Então, comprei um intercâmbio para trabalhar como voluntária em Cartagena das Índias através da Aiesec. E em 13 de janeiro de 2017 eu estava lá, começando a escrever minha história com esse povo, com esse país.

A Colômbia, um dos países mais extraordinários da América Latina, com a sua natureza que vai das ilhas do Caribe aos Andes, Floresta Amazônica, Semi árido e muito mais. O país do escritor Gabriel García Márquez, é de grande diversidade cultural, é possível comer – e muito bem, dançar, falar e viver de formas bem distintas em várias partes do mesmo país. E prepare-se, eles vão pedir pra você sambar. haha 🙂

Bem, espero ter aguçado a curiosidade de vocês a conhecer essa nação que tanto amo. Mas vamos ao assunto do post de hoje, as dicas! As tips são dos principais pontos turísticos na cidade de Bogotá, a capital do país.

Bogotá é uma cidade grande – com 8 milhões de habitantes, moderna, agitada e cheia de coisas pra fazer. É uma metrópole encantadora. Como boa amiga que sou, deixo uma obs: Tenha sempre um casaco, pois o frio e a chuva fazem parte do clima predominante na cidade. Agora confiram as dicas;

1.Cerro Montserrate: Acredito que seja uma das principais atrações para quem vai conhecer Bogotá. É um morro mega alto (3200 metros de altitude!), onde temos uma privilegiada da cidade. É possível subir por teleférico, pelo trenzinho, ou a pé, se você tiver folego pra isso. O passeio custa 15 mil pesos colombianos, ou seja, uns R$20 reais.

2. Candelária: O Cerro fica bem perto da Candelária, então você pode fazer tudo no mesmo dia. A arquitetura moderna contrasta com prédios coloniais. É um cenário imperdível para fazer uma caminhada de alguns quarteirões entre La Candelária e o centro histórico, e as torres do Centro Internacional.

3. Praça Simon Bolivar: Uma praça que fica no comecinho da Candelária. É uma praça bem movimentada, onde fica a Catedral e o Palácio da Justiça – e vários pombos. haha

4. Museu Botero: Tido como uma das três melhores coleções de arte da América Latina, o museu Botero reúne obras de Fernando Botero e obras de  Artistas internacionais como Picasso, Marc Chagall, Salvador Dali,  Edgar Degas, Claude Monet, Henri Matisse, Juan Miró entre outros que foram doadas pelo próprio Botero para integrar o museu.

5. Zona T: Point de bares, restaurantes, lojas e baladas de Bogotá. Área fechada ao trânsito dentro da Zona Rosa. Neste bairro é onde estão as lojas de grifes, grandes hoteis e principais shoppings da cidade – o meu favorito é o Andino.

E você, já conheceu Bogotá? Comenta aí!


¡Hasta luego!

Beatriz Miranda